Como continuar a ser ECO durante as próximas semanas

A Beegreen separou algumas dicas de como continuar com hábitos sustentáveis e Lixo Zero mesmo durante a quarentena. Confira como aplicar na sua casa:

Devido ao período que estamos vivendo nos últimos dias, muitas pessoas têm ficado em casa, em estado de prevenção. A quarentena pode ser um desafio, mas também pode ser um bom momento para mudar hábitos e repensar a rotina da família. Que tal adotar novos hábitos nas próximas semanas?

Se você já adota hábitos sustentáveis em casa, essa não é a hora de parar – e você pode adotar novas práticas. Como por exemplo, separar os recicláveis e reutilizá-los para inventar novos objetos ou até mesmo brinquedos para as crianças. Uma outra ideia é começar uma nova horta em casa, separar resíduos para a compostagem e produzir seu próprio adubo para suas plantas.

Confira algumas dicas de como manter a sua rotina sustentável nos próximos dias:

1- Como gerar menos louça

         Lavar a louça geralmente é uma das tarefas domésticas que menos gostamos de fazer. Durante esse período, quando boa parte da família se encontra em casa ao mesmo tempo, é importante tentar gerar o mínimo de louça possível e gastar menos água, já que muitas regiões do país estão passando por uma crise hídrica.

         Para passar menos tempo na pia, você pode seguir algumas dicas valiosas:

  • Cada membro da família usar apenas um copo
  • Se certificar que todos os restos de comida foram encaminhamos para a compostagem ou para o lixo antes de deixar o prato na pia
  • Não misture as louças – para não engordurar objetos que estavam apenas sujos na superfície
  • Use água quente para facilitar a limpeza

Outra dica importante para gerar menos louça em casa, é ficar atento para que cada pessoa da casa use seus próprios utensílios domésticos. Lembramos que não devemos compartilhar objetos, principalmente em tempos de quarentena.

Dividir objetos pessoais pode aumentar o risco de contrair doenças. Para evitar essa transmissão dentro decasa, você pode adotar utensílios para cada membro da família. Monte kits individuais: cada um pode ter o seu próprio copo, canudo e talheres.

Canudos de inox

Os canudos de inox da Beegreen, por exemplo, são uma ótima opção para as crianças. Cada um pode ter o seu, aprender a fazer a higienização depois do uso com a escova própria – que vem junto com o kit. Além disso, os canudos de inox podem ajudar na saúde, pois evitam que alimentos ácidos entrem em contato direto com os dentes e deixem manchas amareladas.

         Dicas para higienizar o seu canudo de inox:

  • Deixe de molho para facilitar a lavagem
  • Utilize a escova higienizadora
  • Enxágue com água corrente
  • Deixe escorrer e secar
  • Na hora de guardar, deixe os canudos na horizontal dentro da gaveta ou cubra com um pano seco

         Escova de dente de bambu

Outro item essencial para montar os seus Eco kits individuais dentro de casa, são as escovas de dente de bambu. São escovas totalmente veganas, biodegradáveis e até mesmo compostáveis no fim da sua vida útil (as cerdas devem ser cortadas fora para esse fim).

         As escovas de dente de bambu da Beegreen são seladas com óleo vegetal para proteger o bambu, possuem um formato anatômico com excelente escovação – e não são testadas em animais. São ótimas opções contra as escovas de plástico descartável, que não são recicláveis.

         Na loja da Beegreen você encontra um kit para a família toda, são 10 unidades, por apenas R$ 150,00 – com frete grátis.

Leia também: conheça seis projetos de inovação em economia circular que vão mudar o seu ponto de vista

2 – Deixe a criatividade aflorar

Em tempos de quarentena, uma boa dica é deixar a criatividade aflorar dentro de casa, já que sabemos que elas se cansam dos brinquedos que possuem. Chame as crianças para criar seus próprios brinquedos com materiais recicláveis com muita arte e diversão. Você só precisa higienizar o resíduo reciclável que é gerado todos os dias e acondicioná-los corretamente.

         Objetos do dia a dia, como garrafas PET e suas tampinhas, rolos de papel higiênico, CDs velhos, caixas de papelão e caixas de ovos podem se tornar insumos para um novo projeto em família. 

         Por exemplo, com o rolo de papel higiênico você pode criar um bracelete descolado. Basta cortar um pedaço do rolo e encapar com o papel de sua preferência. Depois as crianças podem decorar com diferentes e coloridos desenhos.

         As caixinhas de ovos também podem se tornar diferentes e coloridos bichinhos. Basta colar os copinhos da caixa de dois em dois e criar os detalhes que sejam necessários. Para pintar você pode usar tinta guache ou PVA para artesanato.

         Uma bandeja de isopor pode se tornar um barquinho. O isopor flutua naturalmente, e com algumas outras peças você pode transformá-lo em uma linda embarcação para os pequenos. Com um palito de dente você pode ainda fazer bandeiras coloridas e colocar em uma bacia com água para as crianças brincarem.

         Além de distração para as crianças, você também pode reutilizar materiais recicláveis criando, por exemplo, uma mini composteira caseira – com potes de sorvete. Ou então usando as garrafas pet usadas como vasos de plantas.

Saiba mais: como repensar meu dia a dia e praticar o consumo consciente

3 – Reutilizando potes de vidro

         Encontrar potes de vidro pela casa é uma tarefa muito fácil: diversos alimentos que compramos todos os dias estão nessas embalagens. E cada um desses potes pode se tornar uma coisa nova, aumentando a sua vida útil e diminuindo o descarte na sua casa.

         Depois de higienizar muito bem os potes de vidro, eles podem por exemplo, serem utilizados para a montagem de terrários. Você pode plantar suculentas, cactos ou mesmo verduras como uma mini horta. Você ainda pode decorar as tampas, para deixar um aspecto mais rústico ou moderno.

No seu quarto ou até mesmo no banheiro, você pode selecionar potes que sejam do mesmo tamanho para acomodar sua maquiagem, pincéis, escovas e outros acessórios. Podem ficar soltos no balcão ou você também pode prendê-los em um pedaço de madeira, com braçadeiras de metal.

         Com algumas velas de led ou luzes de decoração natalina, é possível transformar um pote de vidro em uma linda luminária. Com uma pintura fosca por fora do pote, fica um aspecto charmoso para colocar na sala ou na cozinha. Use ganchos em uma base de madeira para prender na parede.

Outra opção para iluminar alguns pontos da casa é fazer um porta velas. É bem simples, basta encher um terço do pote de vidro com sal grosso, arroz, café ou até mesmo areia. E colocar a vela da sua preferência – pode ser de qualquer tamanho, cor e até mesmo perfumadas.

4 – Como limpar e acondicionar os resíduos recicláveis

Separar os resíduos recicláveis, orgânicos e rejeitos é um passo essencial para hábitos sustentáveis em casa. Mas, além de separar os materiais recicláveis, é necessário garantir que eles estejam limpos e acondicionados da maneira correta antes de mandar para a coleta seletiva. Aproveite esse tempo extra para higienizar corretamente cada material antes de realizar o encaminhamento, que saber como?!

        Pegue a embalagem e retire todos os resíduos orgânicos que possam ter sobrado. Isso evita que junte mau cheiro e ainda torna melhor e mais ético o trabalho na cooperativa de reciclagem, com um produto limpo e pronto para ser separado de acordo com seu material de origem. 

Caso em sua residência, tenha casos confirmados do Coronavírus, faz-se necessário reforçar com 2 sacolas plásticas e colocar um aviso de resíduo contaminado! Em muitas cidades, a coleta seletiva teve de ser paralisada, o que acarreta em grandes prejuízos ambientais e econômicos. Neste sentido, se você possuir espaço em casa, a melhor solução é segurar os resíduos recicláveis em casa até a situação se normalizar.

         Mas atenção: nem todos os produtos que contém plástico ou tecido podem ser reciclados. Um exemplo são as máscaras e luvas descartáveis – esses materiais devem ser destinados ao lixo comum, para garantir a saúde dos trabalhadores da separação. Já agulhas e seringas, devem ser destinados para postos de saúde e na impossibilidade desta destinação, descartar no lixo comum, lembrando que sempre devem ser colocadas dentro de uma garrafa pet bem vedada, para evitar que os coletores sofram acidentes e se contaminem.

5 – Faça sua própria horta

         Outra opção para essa quarentena é fazer a sua própria horta. Se você mora em uma casa com quintal, é fácil separar um pedaço do jardim especialmente para plantar verduras e temperos, como alface, repolho, agrião, rúcula, salsinha e cebolinha.

         No caso de um apartamento, a horta pode ficar mais difícil, mas não impossível: basta encontrar um cantinho que bata sol constantemente, pelo menos umas seis horas por dia. Você pode aproveitar a sua sacada para isso e até mesmo caixas de leite. Isso mesmo!

Depois de higienizar as caixinhas de leite ou suco, vire-as de lado e faça um recorte em toda a lateral, deixando uma pequena margem, de cerca de 2cm. Depois é só preencher com terra adubada e escolher as sementes que você deseja plantar.

         Para apartamentos, o mais recomendado é manter as plantas menores, como os temperos. Você pode plantar, por exemplo, orégano, hortelã, salsa, alecrim e manjericão. Assim, quando for cozinhar, os temperos estarão sempre à mão, e o melhor: sempre fresquinhos.

         Cultivar uma horta pode ser um ótimo hobby para esses dias de quarentena. É saudável e prazeroso cuidar de suas próprias ervas e temperos em casa. Que tal tentar?

6 – Como começar a fazer compostagem doméstica

A compostagem doméstica pode ser outra opção para sua família se tornar ainda mais lixo zero! A composteira doméstica vai decompor alimentos através de microrganismos, que transformam esses resíduos em um poderoso adubo

         Para fazer a sua, você vai precisar de três baldes, que serão empilhados e interligados por pequenos furos feitos no fundo. Certifique-se de que eles estejam bem limpos, para não prejudicar o processo. No balde que ficará no topo, é preciso furar também a tampa, para garantir que chegue oxigênio nos outros baldes.

         Instale também uma torneirinha no balde da base, para escoar todo o chorume – líquido formado durante o processo de decomposição do material orgânico.

         No primeiro balde você vai colocar os resíduos orgânicos produzidos. Como borra de café, cascas de frutas ou ovos. Não coloque queijo, restos de carne, ou outros alimentos que podem apodrecer. Cubra com folhas secas ou serragem seca para evitar o mau cheiro. No segundo balde você pode montar o espaço para as minhocas – de preferência as californianas, e muita terra. Elas vão ajudar no processo de decomposição.

O último balde vai escoar o chorume – mas diferente do chorume dos aterros sanitários, esse é do bem. Um líquido rico em nutrientes, que pode ser recolhido para ser pulverizado nas plantas, servindo de adubo e pesticida.

Mesmo em quarentena, é importante manter a rotina sustentável em casa, afinal, a mudança de hábito começa por você! Conte para gente aqui nos comentários, quais dicas você pretende seguir na sua casa.

A Beegreen® é uma empresa ecologicamente responsável, que acredita na sustentabilidade e no consumo consciente. Confira nossos produtos na loja virtual e siga nossas redes sociais, Facebook, Instagram e Linkedin, para saber de todas as nossas novidades.

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Todos os produtos

Precisa de Ajuda?