Festa junina sustentável: 5 DICAS lixo zero para você!

Se existe uma comemoração que mora dentro do coração de todos os brasileiros é a festa junina. Quentão, pamonha, curau, pé de moleque, paçoca, são só alguns exemplos da fartura de alimentos que temos nessa festa. E como todo evento, a produção de lixo é enorme.

Você deve estar se perguntando, “mas como posso fazer uma festa sem o uso de descartáveis?” É justamente para te ajudar que estamos aqui! Listamos cinco dicas de como fazer um evento ecológico, afinal, a busca por ser mais sustentável e impactar menos o nosso meio ambiente é uma tarefa diária. Confira como fazer uma festa junina lixo zero.

1- Alimentos só em embalagens biodegradáveis

Um dos grandes problemas de se fazer um evento é o descarte incorreto. Infelizmente, é normal encontrarmos copos e pratos de plásticos, guardanapos de papel, entre outros itens jogados no mesmo lixo, todos misturados, prejudicando o processo de reciclagem.

Para termos um evento mais lixo zero, podemos servir as comidinhas utilizando produtos biodegradáveis. Você pode optar por pratos de papelão, guardanapos de pano e até folhas de bananeira, usando-a como suporte para doces e até como “potinhos”. Assim, você reduz drasticamente o uso de materiais de difícil reciclagem e incentiva a consciência ambiental dos frequentadores do evento a partir do seu exemplo.

2- Elimine o uso de canudos descartáveis

Uma das formas para promover uma festa junina sustentável é eliminar o uso de canudos descartáveis. Afinal, aquele canudo de plástico tem um tempo de uso médio de apenas dez minutos e demora 500 anos para se decompor. Você sabia,por exemplo, que só nos EUA cerca de 500 milhões de canudos plásticos são consumidos por dia? Imagine o impacto disso no nosso planeta.

Uma outra alternativa para resolver esse problema é utilizar canudos de inox, que podem ser reutilizados em várias ocasiões.  transformando o canudo em fonte de arrecadação para a festa junina. Você pode comprar canudos padrão Beegreen ou fazer canudos personalizados para comercializar na festa.

3- Copos descartáveis? Não Precisa!

Outra fonte de produção de lixo nas festas são os copos descartáveis de plástico. Tanto para bebidas frias ou quentes, como o quentão, os copos descartáveis além de poluir o meio ambiente, também poluem a nossa saúde. Pesquisa do Instituto de Química da Universidade Federal da Bahia (UFBA), os copos descartáveis plásticos inclusive os de Isopor, liberam substâncias perigosas à saúde que podem afetar os hormônios.

Para evitar os copinhos descartáveis, temos uma alternativa incrível para você: o que acha de copos personalizados e reutilizáveis? É uma excelente opção para reduzir os gastos com copos descartáveis, além de ser uma forma de reduzir os impactos ambientais. Ah, e também pode virar uma fonte de renda para a sua festa junina!

Os copos da Meu Copo Eco são feitos de Polipropileno e livres de BPA e podem ser personalizados exclusivamente para o seu evento, ou utilizados copos com comunicação criativa a disposição de nossos clientes. Nós trabalhamos com copos reutilizáveis no conceito caução. Funciona assim: o convidado deve deixar um valor caução por copo quando pega uma bebida. Antes de ir embora, ele pode reaver o valor do “aluguel” do copo ou levar para casa como uma recordação da festa.

Só para ter uma ideia do impacto dessa mudança, em 2017 nós fizemos uma parceria com o Paraná Clube. Por meio do conceito evitamos mais de 95 mil copos descartáveis, o que gerou uma economia de aproximadamente 14 mil reais ao clube.

Além disso, você também pode optar por servir bebidas em recipientes grandes, como barris. Sempre disponibilizando tudo no copo ecológico. Dessa forma, você evita o uso individual de diversas embalagens descartáveis, como garrafinhas de refrigerante.

4- Separe o lixo da festa junina

Uma pesquisa do Fundo Mundial para a Natureza indicou que o Brasil é um dos maiores produtores de plástico no mundo, em quarto lugar, e o que menos recicla. Das 11,3 milhões de toneladas produzidas anualmente, apenas 1,2% são reaproveitadas. Os Estados Unidos, por exemplo, que é o terceiro maior produtor, recicla mais de 30% do material produzido.

Para minimizar esse problema, crie lixeiras específicas para cada tipo de resíduo. Você pode fazer lixeiras de recicláveis, orgânicos e não recicláveis. Ou ainda, separar por material, como vidro, alumínio, plástico, papel. Assim fica mais fácil fazer a correta destinação do lixo depois da festa.

Procure encaminhar os resíduos orgânicos para uma empresa que realize compostagem, afinal, grande parte dos resíduos acabam sendo orgânicos, como casca de milho, de pinhão, palitos de madeira, guardanapos de papel, entre outros. Ressignifique os resíduos!

5- Entre no desafio zero descartável!

dasafio-zero-descartavel-beegreen

Para auxiliarmos na jornada de mudanças de hábitos para uma vida de consumo menos impactante ao Planeta Terra, estaremos liderando, pelo segundo ano consecutivo, no mês de julho o Desafio Zero Descartável, que visa informar e inspirar as pessoas a reduzirem o consumo de plástico.

Por conta disso, estamos desafiando empresas, escolas e instituições de todo o país a aceitarem a missão de desenvolverem programas, metodologias, estratégias e hábitos para despertar o consumo consciente. Tudo isso, por meio de conteúdos exclusivos e informações completas sobre como evitar o plástico descartável no dia a dia. Participe, mais informações aqui!

Agora que você sabe que fazer uma festa junina sustentável beneficia diretamente o meio ambiente e também o seu bolso, só nos resta desejar um bom evento e que ele seja recheado de comida boa, criatividade, alegria e muita diversão!

E aí, gostou desse artigo? Então compartilha com os seus amigos nas redes sociais! Aproveite e nos siga no Instagram e no Facebook, para ficar por dentro das nossas ações. Lembre-se, estamos juntos para fazer do mundo um lugar melhor!

Recommended Posts

Deixe um comentário