Confira as ações sustentáveis do Rock in Rio 2017

Música, diversão e cuidado com o planeta: confira algumas ações sustentáveis que fizeram a diferença durante o evento.

Não é só de astros como Adam Levine, Anthony Kiedis e Axl Rose que vive o Rock in Rio. No mais tradicional evento musical do mundo também há espaço, é claro, para a sustentabilidade. O evento, que já tem um histórico de compromisso com o planeta, implantou diversas.

Durante o evento desse ano, vimos algumas atitudes sustentáveis organizadas pela organização do evento, ONGs e empresas parceiras que trabalharam em conjunto para evitar o desperdício e mostrar que se for para sobrar, que seja talento nos palcos.

Conheça algumas atitudes sustentáveis que fizeram a diferença no Rock in Rio!

 

Amazônia Live: Rock in Rio dando voz à Amazônia

2

(Foto: divulgação)

A campanha Amazônia Live Rock in Rio é a prova de que um grande evento musical pode (e deve!) ter atitudes sustentáveis grandiosas. Os organizadores lançaram um alerta sobre a questão do clima e começaram um grande movimento em defesa do planeta. O Rock in Rio se propôs a plantar 1 milhão de árvores nas áreas desmatadas nas nascentes do Xingu e, com a ajuda de todos, a objetivo foi ainda maior: 4 milhões de novas árvores plantadas na Amazônia.

A idéia era “unir milhares de pessoas que acreditam que podemos fazer um mundo melhor em uma plataforma colaborativa e rock and roll”. Foi colocado no site oficial do evento um espaço onde as pessoas podiam doar quantias online para o plantio das árvores, sendo que o plantio de uma árvore custava apenas R$ 4,50 + taxas. Todo o dinheiro arrecadado através do site foi enviado para o Fundo Brasileiro para a Diversidade (FUNBIO), responsável pela gestão financeira do plantio.

Árvores Solares

3

(Foto: nobahia.com)

Através do projeto Amazônia Live, foram instaladas 5 “árvores solares” na Cidade do Rock que, além de serem ilhas de descanso,  permitiam que os participantes recarregassem seus celulares utilizando energia limpa. A invenção é capaz de captar energia solar através de filmes fotovoltaicos instalados nas folhas. Cada árvore continha 10 tomadas que forneciam energia gratuitamente, sensibilizando o público quanto à importância do consumo consciente e da responsabilidade ambiental

Rock and Recycle: Heineken e o exército da limpeza

4

(Foto: Carol Lobato)

A Heineken assumiu a “bronca” sobre o uso de copos descartáveis durante o evento. Para diminuir os impactos da sujeira, a cervejaria instalou um ponto de troca próximo à tenda eletrônica, chamado “Loja de Sustentabilidade Rock and Recycle”. Lá, você entregava 10 copos descartáveis e participava de uma brincadeira, ganhando prêmios para guardar de recordação como bonés, broches, porta-copos, camisetas e copos reutilizáveis personalizados. A marca gerou um verdadeiro exército de pessoas trabalhando em prol da sustentabilidade no evento.

Porém, como nem tudo são flores parece que a ação deixou um pouco a desejar. Na hora de pegar um chopp, não era possível reutilizar o mesmo copo. Ou seja, foi distribuído um novo copo descartável a cada chopp tomado por cada participante do evento. O que importa é que a intenção da ação foi boa. Fica o aprendizado para as próximas edições: pensar em um sistema de copos reutilizáveis que diminua a sujeira, ao invés de aumentar (como o sistema de copos reutilizáveis em consignação da BeeGreen).

Itaú levou a galera de bike para o RIR

5

(Foto: divulgação)

Já tradicionais no Rio, as “laranjinhas”, como são chamadas as bikes de aluguel que o Itaú disponibiliza pela cidade, tinham espaços especiais no complexo do Rock in Rio. Além de pontos de coleta dentro do evento para que os fãs fossem para o evento de bike e pudessem deixá-la por lá, o banco disponibilizou bikes para transportar pessoas de um lado para outro da Cidade do Rock. Conforto e sustentabilidade andando lado a lado no Rock in Rio!

Rock in Rio – Atitude Saudável

6

(Foto: divulgação/2016)

Não apenas o evento quer ser sustentável, mas também exige atitudes sustentáveis de seus patrocinadores. Desde 2008, a organização premia seus parceiros por suas ações sustentáveis e que incorporam com efetividade o Plano de Sustentabilidade. São patrocinadores do evento: Itaú, Prefeitura do Rio de Janeiro, Postos Ipiranga, Doritos, Heineken e Coca-Cola.

Gestão de Resíduos

7

(Foto: divulgação)

A gestão de resíduos foi implementada no Rock in Rio pela primeira vez na edição de 2008, em Lisboa, ano que marcou o início do projeto. O plano baseia-se em três questões principais da sustentabilidade: economia (com a reutilização de materiais); ambiental (com a redução da quantidade de resíduos encaminhados para aterro, prevenção da geração de resíduos e a produção de composto orgânico para reflorestamento); e social (com a doação dos materiais e alimentos excedentes).

A BeeGreen apóia atitudes sustentáveis e também traz soluções para a produção de um evento sustentável com o menor impacto possível ao meio ambiente. Quer saber o que podemos fazer pelo seu evento? Beegreen.eco.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Todos os produtos

Precisa de Ajuda?